Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

À ESTACA ZERO

Em um mundo no fim, talvez desde o começo,
cresce o preço extorsivo que a vida nos cobra;
não podemos fugir desta nota ostensiva
e vivemos das sobras do quanto vivemos...
Mas alguns pagam mais e já vivem morrendo
até quando se fecha o seu tempo forjado,
pra suster o mistério da grande justiça
que não pode sustar a verdade das coisas...
Perguntamos por Deus e ninguém nos responde
onde estava nas horas de assombro e tragédia
desta grande comédia dramática e fria...
Mas a nossa injustiça está nesse juízo
do sentido de tudo ao querermos ditar
nossa crença ou não crença inventando critérios...
Demétrio Sena
Enviado por Demétrio Sena em 24/09/2007
Reeditado em 26/09/2007
Código do texto: T666479
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Demétrio Sena
Magé - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
3149 textos (63162 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 04:42)
Demétrio Sena