Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FOGO ETERNO

Em que castelo se escondia ?
Que vinho tinto tomava ?
Que dança mágica fazia ?

O meu esquecimento
Foi mero fingimento
E neste espaço de tempo
Em todos os meus momentos
Teu fogo sempre me ardia
E me fazia viver a esperança real
De ver-te novamente um dia
Meus lábios sedentos de desejo
Procuravam por teus beijos

Oh, minha rainha!
Deixa-me beijar-te
A noite é mágica
E vem nos abraçar
Cobrir-nos com suas estrelas
E com teu luar

Distantes no passado
Tão pertos no presente
Somos mais nesse momento
Que nossos meros pensamentos
Somos terra e céu
Somos fogo e ar
Somos a razão indomada
De amar e mais amar
A razão que vive a nos queimar
Nesse fogo eterno
Adriano Hungaro
Enviado por Adriano Hungaro em 25/09/2007
Código do texto: T667988
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Adriano Hungaro
São José do Rio Preto - São Paulo - Brasil
549 textos (39507 leituras)
10 áudios (1609 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 09:51)
Adriano Hungaro