Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Só uma Chance.









Lá fora ,nada,nada. Somente a solidão que te consome./
Imóvel pálida,onde o aspecto sombrio te pune/
Muito além,alguém te espera contrariado./
Na qual à parte do coração chora/.
Tua têmpera de aço,sangra a alma dos
Anjos noturnos./
Abre teu coração, e me deixa entrar, te
Amar ,mesmo que na supremacia do teu gelo./
,minhas
Entranhas clamam por um único pequeno beijo./

Arranca a venda dos teus olhos e
Brilha em mim o teu corpo de mulher mimosa./
Brindemos esta noite,em delicias epidérmicas
O vinho proibido,em cálices dourados.

demetrioluzartes
Enviado por demetrioluzartes em 25/09/2007
Reeditado em 25/09/2007
Código do texto: T668350

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (demetrio luzart). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
demetrioluzartes
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
981 textos (36648 leituras)
12 áudios (774 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 22:52)
demetrioluzartes