Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FALEI TANTO QUE CANSEI MEU CORAÇÃO! (coletânea)


Falei tanto que
me cansei do som
deste monólogo
ecoado pela minha voz!

Causei um enorme cansaço
aos tímpanos tumultuados!

Falei demais!

Ouvi o eco
dissonante traumatizando
o meu ego!

Resolvi silenciar
o meu coração!

Balsa Melo
23.02.87
Monte Carmelo - MG
 
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Enviado por BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO) em 30/09/2007
Código do texto: T674496
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Uberaba - Minas Gerais - Brasil
3010 textos (87929 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 22:18)
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)