Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Andarilho

Andarilho

Não me enquadro em formatações.
estou muito além de limitadas definições,
sou plenamente movido a paixões,
sempre trago inesquecíveis monções.

Não há porto que me prenda,
rompo grilhões, parto, fica a lenda.
Não há nada que impeça meu caminho,
desfaço-me do que for e sigo sozinho.

Nenhum labirinto pode me enganar,
nenhum obstáculo ousa me atrasar,
ninguém me tem por inteiro,
protejo o ponto fraco do guerreiro.

Moldo meu destino ao meu bel-prazer,
creio que seja essa a essência de viver,
abrir novos caminhos, ser sempre inédito,
sem nunca me preocupar com quem vai levar esse crédito.

Eu sou o que sou e isso me basta,
não me preocupo com raça,cor, credo ou casta.
Não sigo normas ou leis que não fiz
ando sempre no limite, por um triz ...

Leonardo Andrade
Leonardo Andrade
Enviado por Leonardo Andrade em 01/10/2007
Código do texto: T675460

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Leonardo Andrade
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1491 textos (63346 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 15:39)
Leonardo Andrade