Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"NOITE ALTA"

Madrugada
Insônia me faz prisioneiro
O céu altaneiro
Em sua noite enluarada

Noite alta
Ingrata se faz solidão
É noite, insônia a persistir
Cruel vem persuadir

Deuses dos sonhos
Descrevem estranha loucura
Insônia que perdura
Infindável noite e seu clarão


*************************INTERAÇÃO***********************

Agradeço ao nobre poeta Francisco Luiz Mendes por sua participação com bela interação

                                  No silenciar noite adentro
                             A insônia atravessa os canteiros
                                      E vem de mansinho
                                O poeta inspirado se cutuca
                                             E se revela
*********************************************************
Poeta do Nordeste
Enviado por Poeta do Nordeste em 08/11/2019
Reeditado em 09/11/2019
Código do texto: T6790304
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeta do Nordeste
Taboão da Serra - São Paulo - Brasil, 63 anos
298 textos (3691 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/11/19 00:39)
Poeta do Nordeste