Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma brisa na escuridão

O sol brilha uma última vez no horizonte
onde desaparece, quase que para sempre
enquanto uma vida é engolida pela vida
saciando uma gula inevitável por crescer.
E enquanto, nos corredores, correr ar fresco
a chama continuará a se alimentar, mais e mais
e quando a passagem fechar,
ou os olhos se perderem,
não mais a chama queimará para o mundo,
nem mesmo o céu permanecerá o mesmo,
o próprio sol raiará diferente
dos dias anteriores.
E, permanecendo o labirinto secreto,
enquanto a lua risca o céu de prata
uma criança se desenvolverá contida
em um universo paralelo, sem ninguém.
Quando a última porta se abrir,
o ar pulará para fora, refrescando-se,
chamando a criança que se tornara deus,
de seu próprio mundo sombrio e luminoso,
onde rancor e ódio dominam, mas padecem,
diante da incrível e palpável
névoa de esperança,
que nenhum sábio,
nem nessa vida,
nem em outras,
jamais ousou sonhar...
E com palavras sóbrias
cortantes e incisivas,
deixou claro para o mundo,
que queria sua vida de volta...
Saciando o seu desejo de amor,
Encontrado e desabafando com alguém que conheço a pouco tempo
Como pode a criança insaciavel confiar em alguém que mal sabe quem é?
Simples, o amor de verdade queima até mesmo os olhos de quem ve
Mais o amor de um amigo é algo que ninguém sabe descrever,
Algum dia a criança vai amar alguém que ame tanto quanto...
Mais hoje essa criança sabe que achou alguém,
Mesmo sabendo que nào conhece a muito tempo,
Acaba se entregando na mão do destino,
Assim tendo traçado seu caminho,
Sendo seu próprio deus...
O deus da escuridão...
Thiago Kalil
Enviado por Thiago Kalil em 04/10/2007
Código do texto: T680886
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Thiago Moraes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Thiago Kalil
São Paulo - São Paulo - Brasil, 27 anos
51 textos (1388 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 04:29)
Thiago Kalil