Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Queria um remédio

"Queria um remédio
que me desse alegria"
Acho que foi Cazuza quem disse
Mas, porra! À merda a poesia
Não existe amor, ou esperança
e o que é alegria?
À merda palavras doces
À merda pensamentos suicidas
Tudo absorve um pouco de cor
fosca, cinza, semi-morta

Me sento na rua
E esqueço do mundo
Que mundo?
Olho através de portas
Atravesso campos ilusórios
Eu, tolo humano,
Divindade do nada!
Divina maldade!

Esmago flores do jardim
de uma casa qualquer
porque em minha casa
não há flores que eu possa pisar
E, na verdade, nem tenho casa
Moro na rua
e trabalho num livro
ou num pesadelo
Ganho tristeza e dores
em troca de miséria e fome

Filósofos diziam ser a vida
Mistério jamais revelado
Mas eu, desmemoriado e burro
descobri o segredo
que nada mais é
que um quarto
no mais profundo breu
Um quarto vazio e fechado...
Elton Veloso da Silva
Enviado por Elton Veloso da Silva em 05/10/2007
Reeditado em 29/05/2013
Código do texto: T682099
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Elton Veloso da Silva
Pedreira - São Paulo - Brasil, 31 anos
110 textos (7089 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 11:51)
Elton Veloso da Silva