Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O vaivém de inspirações

O primeiro poeta amava loucamente
A bela poetisa, que, apaixonadamente,
Amava um segundo poeta que, entretanto,
Com outra musa sonhava! Versos doridos
Cruzavam os ares, e o pranto
Do amor perdido umedecia os seus escritos...

Cansado de tanto amar sem esperança,
Pois de não ser amado até um poeta cansa,
O primeiro poeta casou-se com uma professora,
E a bela poetisa, provando que realmente
Nenhuma vocação tinha para sofredora,
Sendo bancária, casou com o seu gerente.

O segundo poeta continuou cantando
Seu amor em versos e com a sua musa sonhando...
A poetisa linda não o esqueceu, entretanto,
Nem foi esquecida pelo primeiro poeta. Versos doridos
Continuaram a cruzar os ares, e o pranto
Do amor perdido a umedecer os seus escritos!...
Antonio Maria S Cabral
Enviado por Antonio Maria S Cabral em 07/10/2007
Reeditado em 27/11/2008
Código do texto: T684714
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antonio Maria S Cabral
São Luís - Maranhão - Brasil
1277 textos (157347 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 05:33)
Antonio Maria S Cabral