Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VAZIO



Já não espero te ver quando abro a porta
porém, ainda esbarro com a tua ausência
em cada canto que percorro no vazio de mim

é tudo o que não foste para mim
e o que nunca fomos juntos
que me atravanca os dias

o espelho em que me vejo
empalidece minha face
como um retrato antigo

sinto-me longe de tudo
da vida, dos sonhos, do mundo
o tempo não passa, se arrasta

de resto, aprendo que a monotonia
é apenas isto e nada mais:
o regressar contínuo
ao vazio das coisas que não voltam atrás...

Francis Faria
Enviado por Francis Faria em 08/10/2007
Código do texto: T686367
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Francis Faria
Jandaia do Sul - Paraná - Brasil, 46 anos
637 textos (28144 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 22:04)
Francis Faria