Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Choro, Choro Sim...

Choro, choro sim.
Choro por você que diz:
- Estou aqui.

E estás.
Bem longe, longe de mim.
Do lado de lá do muro
que construístes.
Do lado de lá do meu mundo.

Passageiro foi teu amor,
eterna a minha dor.

Não carrego em meu seio
todos os amores mortos.
Não sou um cemitério.
Não sou um lugar comum.
O amor e a paixão,
não morreram,
mas vivem em mim.

É simples:

Somos marcados pelo tempo
e o tempo passou ligeiro.
Como o pai e a mãe
que dão alento ao filho
que hoje é uma criança
e amanhã é um homem
a se mover sobre a Terra,
assim passa o tempo.

E deixa marcas
de vida e de morte.
Depende como você viveu...
Maria
Enviado por Maria em 12/10/2007
Código do texto: T690810
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4824 textos (195041 leituras)
1 e-livros (121 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 08:30)
Maria

Site do Escritor