Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LABIRINTO

LABIRINTO

Desfaz o fio
Desata o nó
Desse novelo de lã
Inaugura de sorrisos
O desenrolar dos dias
Na beleza de cada manhã...

Fia novo fio
Inaugura a luz
Na face louçã
Ilumina o labirinto
Trama nova teia
Qual Ariadne tecelã...

Esquece o desatino
O ódio de ontem
O desgosto de amanhã
Saboreia o destino
Trincando de maduro
No brilho da romã.
José de Castro
Enviado por José de Castro em 12/10/2007
Código do texto: T691887

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José de Castro
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 69 anos
2311 textos (691233 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 04:32)
José de Castro