Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
A FERA



No fundo de uma caverna ela dorme.
Em sono, não ameaça ninguém.
Porém, a voracidade é enorme
e a fera com seus tentáculos vem.

Se acorda de má vontade, é disforme,
ataca tudo à sua frente e aquém.
Furiosa, se perturbada, oniforme,
piedade de quem ousou, já não tem.

Escreve pelas paredes com sangue,
desenha os seus murais com carvão.
Devora, sem pena, a vítima exangue.

Revela que a sua voz é a razão,
das sombras das águas densas do mangue,
sem nada que venha a ser salvação.
Nilza Azzi
Enviado por Nilza Azzi em 17/10/2007
Reeditado em 17/10/2007
Código do texto: T698836

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor Nilza Azzi ). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nilza Azzi
Campinas - São Paulo - Brasil
2225 textos (392019 leituras)
27 áudios (1214 audições)
4 e-livros (385 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 07:25)
Nilza Azzi