Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vôos

A Daniel



Um bem-te-vi nesta manhã
não cantou.
O sol se escondeu...

Á noite, uma estrela parecia brilhar,
mas logo se esquivou.

Risos desapareceram.

Um silêncio imponente
ocupou o espaço onde antes
habitava um menino
que voou...

Tragam terços,
 hai-cais, óleo ungido,
cantos de corais...

E Paz.



10 de novembro de 2005


belvedere
Enviado por belvedere em 11/11/2005
Reeditado em 19/01/2011
Código do texto: T69993


Comentários

Sobre a autora
belvedere
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
223 textos (76687 leituras)
5 e-livros (1346 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/20 03:26)
belvedere

Site do Escritor