Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DUETO: será que...?/EU SOU...

será que...?/EU SOU...


Será que sou o canto épico
do desencontro
ou agressão,
a violentação do sentimento?

_ EU SOU A FORÇA DA PALAVRA,
 MESMO AQUELA CALADA,
ESCONDIDA NO IMO DE CADA UM,
ONDE O SENTIMENTO IMPERA

Será? _ EU SOU...

Será que ontem, hoje, amanhã e sempre
fui, sou e serei, o instrumento
do desânimo,
a permanente revolta
que mobiliza o desespero?

_  EU SOU FORÇA MOTRIZ,
A IMPERAR SOBERANA
NA TERRA ONDE O DESÂNIMO HABITA.

Será que de receios e medos
me faço,
que de dores e males sou o sonho
intermitente?

_ EU SOU FEITA DA MAIS DURA TÊMPERA
SOU O CINZEL NA MAÕ DO ESCULTOR
USO DA FORÇA PARA LAVRAR A PEDRA
CONTUDO, DEPOSITO SENTIMENTO NA OBRA FINAL

Será? _ EU SOU...

(...Que os anjos despertos me levem
 e os momentos sacrificados me iluminem
 e conduzam às certezas, onde me pergunto
 e não encontro...)

(...EU SEI ONDE ENCONTRAR A CERTEZA,
A LUZ QUE BRILHA ALÉM DO HORIZONTE
EU SEI O LOCAL DA RESPOSTA,
SÓ NÃO TENHO A CERTEZA DE ENCONTRÁ-LA...)

João Videira Santos/DENISE SEVERGNINI

Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 11/11/2005
Código do texto: T70267


Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
11345 textos (953136 leituras)
16 áudios (8941 audições)
311 e-livros (34561 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/08/20 06:15)
Denise Severgnini