Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



Tão calada,
Mergulhada em meus segredos ocultos
Que por vezes, no brilho de meu olhar se revelam, abro-me

 

Abro-me
Quando minha respiração se faz mais forte, mais profunda...

Em busca do amor
do verdadeiro e sincero amor

 

Abro-me

Aqui rogando para as estrelas, para que elas como encanto,
invada os meus sonhos, a minha vida, e possa fazer meu pranto Mergulhando em meu olhar
e descobrindo minha alma

                                                

Abro-me

As chegadas apesar das tristes partidas
Para falar de amor

Para esquecer esta mulher comedida

Cheia de reservas

Coberta de sutilezas

Segura e destemida

 

Abro-me 

E rasgo meus segredos

Ouso, grito, agrido, inflamo...

E digo que sou um campo minado

Prestes a explodir

Mas quem esteve nele nunca quis fugir.

 


Beijos nos corações

Flor do amor = Adriana Carla 

 

 

ADRIANA CARLA
Enviado por ADRIANA CARLA em 21/10/2007
Reeditado em 21/10/2007
Código do texto: T703672

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ADRIANA CARLA
Igarapé-Miri - Pará - Brasil, 42 anos
239 textos (12331 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 08:21)
ADRIANA CARLA