Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESATINOS!

Olhar faminto de amante foraz...
Pergunta-me, como estás?
O corpo tem pressa responde latente...
Provocador e atrevido...Abusado exibe o corpo sarado...
Faz-me perder o sentido!
Calafrios e descargas acendem-me o desejo...
Sossegar meu corpo em teus braços...
Buscar o quente dos teus beijos...
Desfrutar o toque de tuas mãos...
Desfalecer a carne em desatino...
Percorrer a maciez da pele com lábios quentes...
Umidecer o umbigo com saliva de amor...
Sussurros e gemidos, melodias de fundo...
Dias de intenso desatino e prazer...
Perco-me toda em você!
Socorro Castro
Enviado por Socorro Castro em 02/11/2007
Reeditado em 10/11/2007
Código do texto: T720465

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Socorro Castro
São Luís - Maranhão - Brasil
276 textos (25283 leituras)
4 e-livros (197 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 20:20)
Socorro Castro