Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CUSTO DE VIDA

Comecei a sentir que não tem que doer,
sendo caso é possível sublimar a dor,
nunca tem que ter drama; sei que sempre tem,
mas existem remédio, receita, saída...
Se puder evitar incisões e sangrias,
desviar sofrimentos, afastar carpidos,
quero vida mais simples; viverei assim,
pra não ser por um fio meu tempo restante...
Vejo além da distância que outrora foi curta;
dilatei meu espaço, ampliei horizontes,
descobri transversais a cortar paralelas...
Sofrerei tão somente por algo mais fundo
que vier sem dar chance de conter a queda;
minhas lágrimas, hoje, são muito mais caras...
Demétrio Sena
Enviado por Demétrio Sena em 06/11/2007
Código do texto: T725765
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Demétrio Sena
Magé - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
3145 textos (63127 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 21:35)
Demétrio Sena