Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Misteriosa

MISTERIOSA
Vestiu-se de mistério
Num desconforto aparente
Revestida de pouco brilho
Não quis se desfazer
Os olhos correndo por toda a casa
E ela perseguida
Adeus sem despedida
O batom irretocado, breve sorrir
O mistério vestiu-se de rua
Um homem atravessando-a
Nas mãos uma rosa vermelha
O andar perdido
Magoado sem saber porque
Foi um arrependimento, um deslize
Um olhar mal interpretado
A derrota vestiu-se mistério
A loucura voou aos gritos
O andar era torto
Mas se desfez com a solidão
E o andar vestiu-se de mistério
Pesquisando pedras
Vê o mistério em pedaços
Enfim
O mistério vestiu-se de mistério
A cabeça doeu muito.
catrofe
Enviado por catrofe em 09/11/2007
Código do texto: T730027
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
catrofe
Montes Claros - Minas Gerais - Brasil, 38 anos
39 textos (823 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 23:14)
catrofe