Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FLORES EM VÃO!


Rosas!

Roseiras dando forma à tristeza!

Murchas vão roseando minha face!

Sonhos sepultados com o cheiro
dos acúleos falecidos!

Lembranças idas!

Saudades pintando a noite de estrelas cadentes!

Acendo o bastão de madeira
esfregando-o nas tantas armadilhas do meu roseiral!

Tento queimar para transformar
em pó as tantas empoeiradas saudades!

Faço um enorme esforço para me livrar do fogo!...

Mas observo,
queimando ardentemente,
tantos pedaços de mim!

Florando percebo meus olhos,
esparramando ao chão,
tantas flores que perfumavam
nossas vidas!...

Em vão!

©Balsa Melo
16.07.06
Cabedelo -PB
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Enviado por BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO) em 10/11/2007
Código do texto: T731239
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Uberaba - Minas Gerais - Brasil
3010 textos (87942 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 14:37)
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)