Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

JANELAS




são as janelas meu gozo
na sina de perseguir nuvens

persigo respostas inexistentes
perguntas incoerentes
na sina de perseguir nuvens

minha alma é o vento
as nuvens são cavalos da ilusão

o azul do céu
a vida palpitando onipotente

meus olhos abrem janelas
da invenção                                            15/11/2007


TÂNIAMENESES
Enviado por TÂNIAMENESES em 15/11/2007
Código do texto: T738182
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
TÂNIAMENESES
Aracaju - Sergipe - Brasil, 69 anos
1684 textos (177272 leituras)
1 áudios (102 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 01:20)
TÂNIAMENESES