Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Filha amada

Corria abraçar-me a noitinha
Num sorriso de alvos dentes,
Olhar iluminado dos inocentes
Que amor e carinho continha.

Bastava abrir a porta e vinha
Ela cobrar-me momentos ausentes,
Com seus olhinhos sorridentes
Encostando a cabecinha na minha.

Hoje ao voltar pra casa, quando
Abro a porta, o faço hesitando
Da alegria de antes o oposto,

Sinto romper-me a carne a cortilha
Da ausência de minha amada filha
Que sorrisos colocava em meu rosto.
Jeff Condol
Enviado por Jeff Condol em 18/11/2007
Código do texto: T742138
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jeff Condol
New York - New York - Estados Unidos
802 textos (112128 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 04:41)
Jeff Condol