Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Por algo incerto

Ninguém observa a fragilidade do viver,
Se aproxima quem de perto vê,
Quem sente.
A rapidez com que se passa,
Não vi,
Mas percebi, tarde.
Exatidão obscura que afronta,
Certeza que amedronta
Intensa variável,
Fuga incansável.
Acaba,
Deixando lembranças,
Saudade.
Acaba,
Com a incerteza do até logo,
Do nunca mais.
Com meias palavras engasgadas
Com nós na garganta,
Fecham-se as cortinas.
As lágrimas, a vida;
Aplausos.
M K
Enviado por M K em 19/11/2007
Reeditado em 10/03/2008
Código do texto: T743727

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Marcos Vinicius Kaminski Filho). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
M K
Curitiba - Paraná - Brasil, 34 anos
52 textos (2414 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 21:40)