Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INFUSÃO

Sei sentir no silêncio e gritar sem quebrá-lo,
ter na dor minha prova de acomodação,
transformar em ação completamente oposta
os desejos que a ética deplora n´alma...
Sou exímio nas fugas do que julgo improbo,
viro lobo feroz contra os próprios instintos
e devoro as entranhas dos meus sentimentos,
pra depois digeri-los a salvo de mim...
Aprendi a chorar o que a outrens faria;
foi um longo percurso do qual me retrato;
romaria tirana de pessoa só...
Hoje tranco as paixões numa jaula profunda,
pra ninguém se ferir do furor que as envolve;
que se auto resolve na sua infusão...
Demétrio Sena
Enviado por Demétrio Sena em 21/11/2007
Código do texto: T746761
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Demétrio Sena
Magé - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
3149 textos (63176 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 09:15)
Demétrio Sena