Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ENTARDECER

Ao entardecer
Gentil é o Sol
À Lua o céu conceder

Daniel Heldt


ENTARDECER

Ao descer o alaranjado no horizonte,
Entardecer plácido surge ao longe
Gentil astro-rei guarda seus raios
É noite, núncia de sonolências, que se aproxima.

O poente dorme atrás do monte
Sol recolhe-se como monge
À súplica de Selene, deusa de contrários.
Lua cintila faceira...Alma se anima...
O ser invagina-se na ausência da luz
Céu escurecido sempre deseja
Conceder descanso a quem a labuta conduz.

Daniel Heldt//Denise Severgnini
Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 22/11/2007
Código do texto: T748079

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Denise de Souza Severgnini http://www.denisesevergnini.recantodasletras.com.br) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 58 anos
11345 textos (924617 leituras)
16 áudios (8891 audições)
311 e-livros (34215 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 03:29)
Denise Severgnini