Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Via Láctea



São os astros
Os que mais me fascina neste Universo;
É tão lindo o mergulho inter-estelar.
É bom estar nesse carrossel de luzes,
Pois tem hora, parece que seus raios
Misturam-se com o meu corpo
E minh’alma se arvora de felicidades.
( Tal qual Deus falou pra mim )
Estou encantado por estranhas sensações.
Vou me desprendendo da base
De forma a não recusar o desconhecido.
E o meu ser se ressente por antes...
E minha visão se engrandece
Com imagens nunca dantes visto.
Que maravilha!!!
Parece o Rio de Janeiro à noite.
Olha aquela estrela lá ao longe...
Bem grande, ta vendo?
Como é linda.
Parece um sinal de pare ou siga;
Parece o clímax de um prazer
Que de maneira mostra os meus objetivos.
Sinto-me latente nesta via respiratória,
Onde as brumas que a margeia
Não me assusta como antes.
Sinto-me como vindo novo, igual criança.
Sinto-me como um feto desenvolvido,
Evoluído de forma operante...
Querendo nascer desse sonho.

Vicente Freire – 30/08/1982.
Vicente Freire
Enviado por Vicente Freire em 25/11/2007
Código do texto: T751465

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vicente Freire
Belford Roxo - Rio de Janeiro - Brasil, 63 anos
280 textos (22943 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 05:24)
Vicente Freire