Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
ESCREVENDO VOCÊ!... AMOR!
*************

São tantos os sonhos que saltitam no meu corpo, 
no meu ser!...


São tantas... as tantas vontades que nascem morrendo!

São findos os inícios que traçam roteiros que nunca findam por desencorajar os próprios pingos de gente que temem no limiar!


São tantos os sonhos que morrem  suspirando nas mãos um sinal de conforto!...

Mas nem um aceno, 
nenhuma cena e 
nenhum rasto que 
me salve deste viver a rastos 
por um puro amor!

Rasuro linhas que tem rascado 
meu coração e 
rasgam meus olhos toda vez que  
passo as mãos no meu rosto 
para 
amenizar o degelar da minh'alma!...

pingando,

pingando...

e escrevendo você!

©Balsa Melo

10.11.06

Cabedelo - PB

BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Enviado por BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO) em 28/11/2007
Código do texto: T756872
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)
Uberaba - Minas Gerais - Brasil
3010 textos (87929 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 00:04)
BALSA MELO (POETA DA SOLIDÃO)