Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ATRACAÇÃO


Solitária,
uma lua branca
de costas para a América,
me viu no Cruzeiro do Sul;
pronto para acender
teu olhar de lua pronto
no horizonte deitado ao mar.

Solitária,
uma vela branca
de frente ou contra o vento,
guiou minha mão de leme;
no ardor dos calos
tua brisa vem como sal
aos choros idos nas marés.

Distraindo os astros de pés juntos,
os cata-ventos giram no quebra-mar,
meninos vendem roletes de cana,
poetas vendem os seus peixes
mercando qual pescadores.

Tua lua deitou em meu mar
e meu mar deitou no teu porto.

Teus braços brincam de rede
enquanto te nino em meu corpo
pendurado numa parede a outra:
céu e terra são distantes e juntos!.
Djalma Filho
Enviado por Djalma Filho em 23/03/2005
Código do texto: T7569
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Djalma Filho
Salvador - Bahia - Brasil
662 textos (20860 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/05/20 20:38)
Djalma Filho