Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

do poeta, a raíz e o tempero / 11


geme a chuva na vidraça do olhar,
sacudo a saudade no corpo...

em mil cavalgadas salto o receio,
os caminhos do infinito...

nesses passeios nómadas
onde os sons estrelam silêncios,
dou corpo à voz na voz do corpo...

geme a chuva na vidraça do olhar,
dou o corpo num só corpo,
fundo o leito no leito do cansaço,
adormeço...

João Videira Santos
Enviado por João Videira Santos em 29/11/2007
Código do texto: T757893

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (João Videira Santos). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
João Videira Santos
Lisboa - Lisboa - Portugal
234 textos (16942 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 17:30)
João Videira Santos