Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ANSIEDADE


ANSIEDADE
lílian maial



O vento varre as horas,
a distância
dos braços,
dos lábios doídos,
beijos na boca do mundo.

O ardor caminha nas palavras
à velocidade da luz,
a luz do amor de dentro,
o que não guia as mãos,
mas o pensamento.

O encontro é único
na luta,
embates da briga pelo outro,
o de dentro,
o oculto.

A espera nervosa,
o toque das letras nos poros,
eu imploro:
não pára!


*********



Lílian Maial
Enviado por Lílian Maial em 26/12/2005
Código do texto: T90691


Comentários

Sobre a autora
Lílian Maial
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1239 textos (276004 leituras)
21 áudios (14091 audições)
3 e-livros (1613 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/04/21 21:13)
Lílian Maial

Site do Escritor