Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um beijo do Tejo



Enquanto no azul divago
O céu funde-se com o Tejo
onde os barcos se aconchegam

eu sinto-me como um pássaro
afeito à travessia
nestas rotas que se abraçam

A nossa alma ultrapassa
toda e qualquer distância
sem sequer dar conta dela

enquanto os olhos viajam
neste coração o fado
vai trinando de saudade

acostumado à tristeza
que se enlaça na alegria
com que se faz a amizade
Maria Petronilho
Enviado por Maria Petronilho em 04/10/2005
Código do texto: T56546
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Maria Petronilho
Almada - Setúbal - Portugal, 68 anos
1268 textos (136939 leituras)
60 áudios (14442 audições)
9 e-livros (6373 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/08/20 00:30)
Maria Petronilho

Site do Escritor