Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POÇO DA MOÇA

{Poema composto, acolhendo ao pedido do amigo Padre Francisco Moraes (in memoriam)}





No interior de Abaeté

A margem de senda de chão

O poço da moça, fonte e lago,

Trás encantos desse torrão.



Um “Romeu e Julieta” indígena

Enreda as lendárias narrativas

Da fuga de casal amazônida

Oriundo de tribos rivais



Quando ainda era poço,

Lugar de proibido amor

Sob frondes ao luar,

Unia o herói e a moça.



Depois da evasão, crescendo

Em sorvedouro de árvores,

São, as belas águas turquesas,

Memorial de amor profundo.

JONAS MATHEUS
Enviado por JONAS MATHEUS em 18/11/2020
Reeditado em 18/11/2020
Código do texto: T7114458
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
JONAS MATHEUS
Capanema - Pará - Brasil, 32 anos
182 textos (6375 leituras)
25 áudios (249 audições)
15 e-livros (420 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/09/21 21:41)
JONAS MATHEUS