Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma linda noite

Olha só. O céu está elétrico.
Nuvens dançando, negras e velozes.
Ainda não choveu. A água não verteu.
Mas a cena promete, com seus belos relâmpagos.

A tempestade não vai tardar
Quero senti-la até acabar...
Vou terminar os versos à mão
Pois os programas logo cairão.

As folhas secas emboladas na poeira
Voam em festa neste vento de outono.
Prenunciam mais uma tarde cinzenta... lenta.
Lenta como as gotas de chuva na vidraça do quarto.

A calmaria é deslumbrante...
Mas o que eu adoro é o exato momento da mudança.
Quando o mundo explode em trovões
e a água despenca em velocidade excitante.

Vou banhar-me andando devagar pela rua
Ou voar por sobre as poças d'água.
Tanto faz. O que importa é participar.
Escancarar! Gritar! Correr como louco, até cansar.

Agora sim...

Exausto eu me sentarei à mesa...
Arrumarei o papel e a caneta...
Acenderei meu cigarro e abrirei o conhaque...
Sorvendo um gole com toda a calma do mundo,
sentindo a paz e observando a escuridão molhada lá fora
  Agora estou pronto para mais uma noite de tempestade...
                                                                  e poesias!
DEMIAN
Enviado por DEMIAN em 12/03/2008
Código do texto: T897700
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DEMIAN
Guarapuava - Paraná - Brasil
38 textos (3863 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/07/19 22:38)
DEMIAN