Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

 
 
R
      ecanto
        
                das
                  
                    L 
                        etras
                         
 

 

♥ ♥......ONE MORE TRY ♥

 

(¨`♥´¨) How Do I Live (¨`♥´¨)

 
 

 

 
 


NO MEU TEMPO ERA DIFERENTE

No meu tempo de criança
ainda tenho tudo na lembrança,
brincadeira de menina era peteca
brincadeira de menino era pião.
Hoje está tudo tão diferente,
Menino vira linda boneca,
menina tremendo sapatão.
Ruth era marca de bala,
bala tinha formato de boneca.
Hoje boneca leva bala
e a Primeira Dama é Ruth.
Naquele tempo as festas faziam quadrilhas
hoje as quadrilhas fazem as festas.
As quadrilhas era festa de São João,
hoje quem faz a festa é São Pedro.
As festas se comemoravam em Junho
hoje se comemora em Março.
Naquele tempo se degustava Lula como iguaria,
hoje se você dela gostar fica entalado. Quem diria!
Naquele tempo era tão difícil a pirataria,
era quase tudo genuíno original,
o que era genuíno original virou produto marginal.
O mercado dantes pagava o preço
e hoje não paga mais.
Naquele tempo toda noite tinha apagão,
hoje na noite alem do apagão, apagam você.
O bom naquele tempo era o poderes assistir a Praça da Alegria,
hoje em dia quem faz a alegria é a Praça dos três Poderes.
Ainda há tempo de mudar.
Chame uma transportadora,
e mude de País,
porque os ladrões daqui tem raiz.
Se você quer ver algo engraçado
sintonize a Tv Senado.
Se você quer ver lama
sintonize a Tv Câmara.
Se quiser encher linguiça
sintonize a Tv Justiça.
Se quiser ser bobo
sintonize a Tv globo
Se quiser ficar esperta
sintonize qualquer outra Tv aberta.
Agora pra ti o meu presente!
Se você nada viu e nada sabe,
poderá ser o próximo
*****Presidente*****.

Quem sabe!!!!!

Mas não se esqueça!

No meu tempo era diferente.
Ofside
Enviado por Ofside em 29/10/2006
Reeditado em 20/02/2014
Código do texto: T276407
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ofside
Rio Claro - Rio de Janeiro - Brasil
1662 textos (84770 leituras)
38 e-livros (809 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 23:22)
Ofside