Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ABREM-SE AS PÉTALAS...

Abrem-se as pétalas duma flor,
De dentro dela saio eu,
De pele sedosa e perfumada,
Tenho cores de uma rosa.

Respiro o ar da manhã,
Sinto o sol a acariciar a pele,
A água do rio a correr,
E eu cheio de frio a tremer.

Passam por mim abelhas
Sedentas do pólen das rosas,
Não são nenhumas aselhas,
Picam apenas as flores.

Sinto-me inseguro e imaturo,
Ainda não aprendi nada,
A vida tem muito pra me dar,
Nada posso hoje implorar.

Na abandono o roseiral,
Enquanto me sentir com moral
Para viver livre e feliz,
E com direito a viver como quiz.

Ruy Serrano - 03.12.2019






Ruy Serrano
Enviado por Ruy Serrano em 03/12/2019
Código do texto: T6810115
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Ruy Serrano
Portugal, 84 anos
2116 textos (19522 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/01/20 14:39)
Ruy Serrano