Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Doce Desconhecido

Opostos?
Vai saber!
Coincidência?
Pode ser!
Passagem dos astros por algum planeta?
Não sei dizer!

Ah, mas sei que para mim gosta de escrever
Que minhas poesias gosta de ler
Que meus cabelos gosta de ver

Ah, mas sei que é lisonjeiro
No seu jeito tão matreiro
Vai passando sempre ligeiro
E me alegrando por inteiro

Quem é este Jorge
Que vem até aqui me escrever?
Que coisas bonitas sabe dizer?
E nunca se deixa ver?

Ah, quem sabe algum caracter
Quem sabe algum personagem
Quem sabe alguém que se esconde
E que ninguém sabe por onde
Vai novamente aparecer.

Mas eu te aceito em minha poesia
Eu te vejo aqui nesta janela
Onde pro mundo mostro minha alma
Onde pinto e faço aquarela
Tentando das letras fazer magia.

Vem! Escreva comigo.
Partilhe-me seus sonhos
Conte-me seus segredos
Mostre-me seus medos
Deixe-me ouvir seu sorriso.

Vem!
.
.
.
.
.
.
.
Fátima Batista
Enviado por Fátima Batista em 21/05/2006
Reeditado em 12/12/2007
Código do texto: T160366
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fátima Batista
Santo André - São Paulo - Brasil, 55 anos
1436 textos (74731 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/12/18 07:35)
Fátima Batista