Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Por Todos os Canalhas

Um dia o poder estabelecido há de fazer
com que os idiotas provem que o quadrado é redondo.

E por supremo decreto o quadrado será redondo,
assim como os idiotas serão tomados por gênios.

Não satisfeitos com a indumentária profana,
talvez os consagrem a sagrados profetas de uma nova era.

Nova, unicamente em aparência,
pois que em verdade
será a mesma velha estrutura maquiada,

adaptada às novas conveniências,
sobrevivendo à própria velhice,
renascendo das suas cinzas.

A hipocrisia perverterá o conceito de harmonia,
criará ideologia e religião que justifiquem o poder ,

de tal forma que um punhado das mais torpes mentiras
ganhem status de sagradas verdades.

Trevas da pedagogia, no acoite do engano
e da estupidez plantarão a semente da ignorância.

Criarão a certeza que é impossível ter,
distribuirão sonhos anestesiantes,
abençoarão por preços módicos.

Proprietários de felicidade artificial,
consumirão a até a última gota de prazer físico,
pensando-se deuses.

Pregarão uma liberdade inteligível
associada a múltiplos pecados,
sendo o pedágio para o perdão divino.

Transformarão a misericórdia
em passividade idiotizada,
a justiça em método mercantilizado das conivências.

Prometerão o céu, não pela virtude dos justos,
mas pelo temor pelo inferno da velha raça de víboras.

Garantirão a passagem para o céu,
enquanto vão, pouco a pouco, criando
um realístico e ardente inferno.

Falarão muito de Deus,
mas suas atitudes, com o tempo,
serão de escancarados súditos preferenciais do diabo.

Sementes destrutivas, belas plantas parasitas.
Sugarão, sem piedade, a seiva dos vegetais produtivos.

Insaciáveis, não sossegarão
senão quando, resultado
da sua própria cegueira, atirarem-se sedentos sobre eles.

Então, mesmo que ignorantes,
terão que arrumar respostas,
egoístas terão que doar para poder sobreviver.

Covardes e dissimulados,
encontrarão a fúria dos incautos
a quem, soberbamente, enganaram, ludibriaram.

Estes serão como que filhos pródigos
a retornarem aos pseudo-pais
que lhe deram o patrimônio da ignorância.

Serão perseguidores das poderosas individualidades
que não poderão se ocultar na impessoalidade do estado,

pois que este estará destruído,
saqueado que foi, pela multidão de bárbaros
travestidos de tribunos públicos.

Gilberto Brandão Marcon
Enviado por Gilberto Brandão Marcon em 25/05/2009
Código do texto: T1613802
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Gilberto Brandão Marcon
São João da Boa Vista - São Paulo - Brasil, 57 anos
1282 textos (96891 leituras)
251 áudios (17535 audições)
8 e-livros (1776 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/09/20 02:02)
Gilberto Brandão Marcon