Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

POETA DE MIL FACES

Logo adorei teu nome
tua atitude e também texto
Teria sido tudo só um pretexto
para esta bela amizade começar?
Sabia que tínhamos semelhanças e preferências
a começar o signo, somos dois piscianos.
Os textos de nossas paixões e cotidianos
seriam também coincidências?
Nos conhecendo estamos aos poucos
Você se esconde e eu apareço
Não sei até onde eu te mereço
Mas sei que te deixo louco.
Se não louco ao menos confuso
Com idéias que só eu entendo
Mas sabe, estou até prevendo
O quão certo iremos nos dar.
Você com suas mil palavras e faces
Poeta de verdade, como tem que ser.
Eu com meu jeito louco de viver
e escrever o que de veras ache.
Pois é menino de nome familiar
te conhecer mudou os meus dias
descobri a sensibilidade no teu versejar
me esquentaste nas noites particularmente frias.
Prometi que um dia te escreveria
para o mundo contaria nossa história
Te mostro que não és apenas uma vaga lembrança?
Estarás sempre gravado em minha memória.
Estas tuas mil faces com certeza me conquistarão;
Pois meu carinho, poeta, você já tem;
a minha amizade, o meu sorriso e também a minha mão;
minhas tardes, palavras e até poesias,
e quem sabe o meu coração.
Por que não?
Mah Vitorino
Enviado por Mah Vitorino em 22/06/2009
Reeditado em 22/06/2009
Código do texto: T1661913


Comentários

Sobre a autora
Mah Vitorino
Recife - Pernambuco - Brasil, 31 anos
37 textos (16907 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/09/20 07:35)
Mah Vitorino