Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM SORRISO

 
Sucede que não posso viver em paz
porque vivo e convivo com crianças
que, eu sei, dormem com fome.
Thiago de Mello - Mormaço na floresta
 
 
Lembro da menina
e do seu sorriso,
tristemente atado.
 
 
Terá algum dia,
sentido o prazer
dos risos incontidos?
 
 
 Panelas vazias,
doenças grassando,
e os olhos dela
em interrogação.
 
Por que sorriria,
vivendo uma vida
tão sem amanhã?
 
 
 Ave-Maria,Pai-Nosso,
  Salve-Rainha...
 Desatem o seu sorriso!
 


 
belvedere
Enviado por belvedere em 10/10/2005
Reeditado em 20/10/2007
Código do texto: T58427


Comentários

Sobre a autora
belvedere
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
223 textos (76516 leituras)
5 e-livros (1331 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/08/20 21:36)
belvedere

Site do Escritor