Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poema ao leitor

Meus comentários são de escritores,
Meus leitores são atores
De um espetáculo que assisto
Toda vez que venho a isto.
 
Obrigado por me lerdes,
Afagarde-me com vossas palavras,
Desculpai-me pelos maus textos,
Sou cheio de defeitos.
 
Se achais que escrevo pensando em voz,
Talvez tenhais razão alguma vez,
Mas também escrevo o que vejo
E penso como exponho meus poemas a varejo.
 
Senti-vos à vontade
Em falar comigo,
Quero ser teu amigo,
Pois só tu me entendes.
           

                     Ulisses de Maio
Ulisses de Maio
Enviado por Ulisses de Maio em 11/10/2007
Reeditado em 20/01/2010
Código do texto: T690553

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ulisses de Maio
Fortaleza - Ceará - Brasil, 30 anos
1248 textos (16554 leituras)
21 áudios (172 audições)
16 e-livros (109 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 23:09)
Ulisses de Maio