Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

****Via Láctea****

Meu Senhor, meu amor, Dono de mim..

Carrego meus grilhões
de submissa
Me deleita estar
abaixo
Sendo vista
como a relva
em seu chão..
Prepara de meu Dono
a molhada gruta
Guardo em minha boca
a seiva ingrata
que enche-me a
cova ora inundada
e faz de meu rosto
a Via Láctea
Amor que se cobria
dos recatos da inocência
e hoje cobre meu corpo
de vergonhas
roxas manchas
rubros beijos
em minha pele
e enquanto
sofro, sonho
Com teu ser ainda mais
dilacerado..
apaixonado..
Acalma meus furores
minha ânsia..
de ser coisa
de ser seu brinquedo
a ser moldada
nas mãos de quem
me faz safada
de quem dá paz
com teu inferno
De quem me nina
mima.
e me dá colo
De quem me cuida
De quem inventou
em minha alma
esta bizarra forma
de ser calma...
Tornando-me tua escrava..

Amo-te meu Senhor..
Ajoelhada ao teus pés!
Estela Maris
Enviado por Estela Maris em 17/10/2008
Código do texto: T1233023

Copyright © 2008. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Estela Maris
São Carlos - São Paulo - Brasil, 53 anos
760 textos (50342 leituras)
1 áudios (106 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/05/21 06:09)
Estela Maris