Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

EN SILENCIO.... IN SILENZIO.... IN SILENCE.... EN SILENCE.... EM SILÊNCIO....

EN SILENCIO

Amo en silencio
y ni las rosas saben
que tu perfume sería mi destino.

Amo en silencio
y ni las estrellas pálidas saben
de más una noche callada.

Amo en silencio
y ni la luna transparente sabe
de mi amanecer plata, solitario.

Amo en silencio
y ni el viento sabe
que corta los dolores
que nadie sabe
que existen.

Te amo en silencio
y sólo el silencio sabe.

_______________________________

IN SILENZIO

Amo in silenzio
e né le rose sanno
che il tuo profumo sarà il mio destino.

Amo in silenzio
e né le stelle pallide sanno
più di una notte muta

Amo in silenzio
e né la luna trasparente sa
del mio albeggiare argenteo, solitario.

Amo nel silenzio
e né il vento sa
che taglia i dolori
che nessuno sa
che esistono.

Ti amo in silenzio
e solo il silenzio sa.

_____________________________

IN SILENCE

Love in silence
and do not know the roses
that your perfume would be my destiny.

Love in silence
and do not know the stars pale
more of a quiet night.

Love in silence
and do not know the moon transparent
of my dawn silver, lonely.

Love in silence
and do not know the wind
that cuts off the pain
that nobody know
that exist.

I love you in silence
and the only silence know.

_________________________

EN SILENCE

J'aime en silence
et même les roses ne savent
que ton parfum serait mon destin.

J'aime en silence
et même les pâles étoiles n'en savent
plus d'une nuit silencieuse.

J'aime en silence
et même la lune transparente ne sait
de mon lever argent, solitaire.

J'aime en silence
et même le vent ne sait
qu'il apaise les douleurs
dont personne ne sait
qu'elles existent.

Je t'aime en silence
et seul le silence le sait.

_____________________________

Amo em silêncio
e nem as rosas sabem
que teu perfume seria meu destino.

Amo em silêncio
e nem as estrelas pálidas sabem
de mais uma noite calada.

Amo em silêncio
e nem a lua transparente sabe
do meu amanhecer prata, solitário.

Amo em silêncio
e nem o vento sabe
que corta as dores
que ninguém sabe
que existem.

Te amo em silêncio
e só o silêncio sabe.

rosemari hauenstein ruch
Enviado por rosemari hauenstein ruch em 21/10/2008
Código do texto: T1241051

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Rosemari Hauenstein Ruch). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
rosemari hauenstein ruch
Mamboré - Paraná - Brasil, 56 anos
103 textos (9453 leituras)
1 e-livros (47 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/11/19 21:31)
rosemari hauenstein ruch