Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Entrelaçados

Sob o solo da lua, derramo meus anseios e medos, danço na ponta dos pés, em nuvens de algodão me deleito.
Almejo vê-lo entre as estrelas do firmamento vagando sobre o manto escuro, tateio com a ponta dos dedos, sugando o doce mel dos lábios.
Entre carícias entrelaçados, junção de corpos na mesma sintonia, flor desabrocha na calada da noite perdida em fragrâncias.
Suavidade elevada aos céus, toma-me pela cintura, dança comigo, nas entrelinhas da fantasia e realidade, escuta o que o coração diz com eloqüência, basta apenas entregar-me  de corpo e alma sem receio.
A relva da madrugada chora suas mágoas nos braços da saudade, quisera parar o tempo, eternizando o despertar da aurora, onde nossas almas libertas sobrevoavam o mar, em ondas navegando, o amor aguçando em meu ser...
Seguindo teus rastros na areia, vaguei ao infinito.


Escrito
22.03.2006

Por Águida Hettwer
Águida Hettwer
Enviado por Águida Hettwer em 22/03/2006
Reeditado em 24/03/2006
Código do texto: T126983


Comentários

Sobre a autora
Águida Hettwer
Sapiranga - Rio Grande do Sul - Brasil, 47 anos
1318 textos (140400 leituras)
15 áudios (2203 audições)
6 e-livros (3129 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/04/21 17:28)
Águida Hettwer