Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O resgate


Se me resgatas
Eu te liberto
Se me abres a porta
Eu te mostro os caminhos
Se me sorris
Eu me encanto, e te devoro
Pois
Não importa a tempestade
O cais agüenta a batida do vento
Desde que os laços sejam eternos

Se me aperta em teus braços
Me sinto grande
Se me olha de lá
Me sinto viva
Se sinto tua falta
E sentes a minha
Então tudo será perfeito
Pois
Não importa o tempo
Quando as ondas em seu vai-e-vem
Sempre retornam
A sustentar o cais
Fátima Batista
Enviado por Fátima Batista em 02/03/2009
Código do texto: T1465908
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fátima Batista
Santo André - São Paulo - Brasil, 56 anos
1436 textos (75152 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/07/19 23:08)
Fátima Batista