Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poesia

Quero escrever uma poesia
Que não seja eterna
Mas lida.
Que seja lida por pares de olhos
E que seja sentida – n’alma
E esquecida
Esquecida, pois
Se re-lida haverá nova emoção
Nova razão p’ra esquecer aquilo esquecido

Quero escrever uma poesia
Que seja como sopro de vento
Passageira, mas que se faz sentir
E ao passar
Não deixe rastro
Somente uma vaga lembrança – eter’na mente

Quero escrever uma poesia, em segredo
Sem segredos
Que fique no pensamento
Como um leve sonhar
E que seja móvel, como as águas do mar
Como as Notas
De um Flautista a sonhar

Quero escrever uma poesia
Nesta vida ou na outra
Que fale de sonhos – aqueles nas noites escuras
Que fique na pele, que fique no ar
Permanente a perfumar

Quero escrever uma poesia
Nem pra ir nem pra ficar
Somente pra fazer pensar.
Fátima Batista
Enviado por Fátima Batista em 01/04/2009
Código do texto: T1517942
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fátima Batista
Santo André - São Paulo - Brasil, 56 anos
1436 textos (75157 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/07/19 06:25)
Fátima Batista