Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A verdade da vida.



Não é ser autor das verdades.
De mentiras não se viver.
É ser real e sem vaidades.
E sempre na busca do prazer

A busca quase dominante
Do que se passa na mente
E ainda nossos companheiros.
Que da vida são parceiros.

É ter a coragem de dizer amor.
A quem ofertou flor.
Dizer te amo em demasia.
E que por ela quantas fantasias..

E sempre procurar.
Teu amor refletir.
Quando ela a sorrir.
Chamar-lhe ao amar.

elio candido de oliveira
Enviado por elio candido de oliveira em 31/05/2009
Código do texto: T1625540
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2009. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
elio candido de oliveira
Ibiá - Minas Gerais - Brasil
4722 textos (169902 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/09/20 11:33)
elio candido de oliveira

Site do Escritor