Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TORRENTE DE AMOR

Não sendo caudaloso, é fluente teu afluente vertente
O rio principal deságua no meu horizonte,
onde a vida já se fez presente
o caudal impôs ímpeto
às águas que se negavam
a ser turbulentas
procurei rumo
amor
fluiu
amor
rompeu
silencio de ti
inundou nossas vidas
na afoiteza da torrente de emoções
deixamos aflorar todos os prazeres desejados, em nós


Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 22/06/2006
Reeditado em 22/06/2006
Código do texto: T180543


Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
11345 textos (954714 leituras)
16 áudios (8943 audições)
311 e-livros (34608 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/03/21 22:37)
Denise Severgnini