Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NUM SÓ, O BATER DE UM MILHÃO

                Desculpa, este também é para ti...
              A ti, a mais sublime entre as sublimes
                     NUM SÓ, O BATER DE UM MILHÃO

Ouve o bater do meu coração
Ele bate por ti

Num só, o bater de um milhão

É a mais bela
E doce canção
Sozinho perante o Universo

Num só, o bater de um milhão

Quando te vejo
Ou simplesmente penso em ti
Há uma secreta emoção
Que move a máquina

Num só, o bater de um milhão

É a minha voz para ti
E para os Deuses
Que se ouve entre uma multidão
Escuta…

Num só, o bater de um milhão

Eco
Duma batalha
Que estou sempre a perder
Embora sem sofreguidão
Nunca me rendi
Nem hei-de render

Num só, o bater de um milhão

Amor, imenso amor
Que tenho para dar
Embora não te queira com ele
Chamar a tua atenção
Lânguido imortal
Que é teu
Para o todo sempre
A minha impressão digital da alma

Num só, o bater de um milhão

Miguel Patrício Gomes
Enviado por Miguel Patrício Gomes em 13/07/2006
Reeditado em 13/07/2006
Código do texto: T193355


Comentários

Sobre o autor
Miguel Patrício Gomes
Portugal
5532 textos (188221 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/03/21 04:49)
Miguel Patrício Gomes