Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um, um, um.





Nascido na fuga da solidão
Dantes não visto em seus olhos
Um ar colorido de sonhos
Que o coração perdido
Enveredava em busca de liberdade.

Agora mesmo que não tivesse olhos
Uma vereda aos pés deslizando
O ar colorido levemente perfumado
Traz para a realidade, você
Em completa sedução no coração.

Um coração potente e mais...
Refeito nas fases da vida e faz...
Sempre em frente com orgulho e tem...
O prazer que emana para a vida e com...
A verdade que toma forma e ser...

Amor que nunca explode para o nada
Sendo pingo dágua no mar, mas sendo
Por entre sabedorias despertar volume
Ser do mesmo intenso, porem destaque no sabor
Ter a eternidade como prova de que possível é...

Juntos não serão segredo dos olhos
A vida que é, será...
Nossas batutas tremulam...
O beijo livre
Um, um, um.
Condor Azul
Enviado por Condor Azul em 27/01/2007
Código do texto: T360773

Comentários

Sobre o autor
Condor Azul
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 58 anos
853 textos (30552 leituras)
1 áudios (188 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/20 23:35)
Condor Azul