Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Anomalia

Meu bem, perdão permanente
pelo desassossego incessante
que lhe causo a todo instante
é que meus coração e mente
 
estão acometidos da anomalia
que os poetas denominam paixão
e os doutores não têm conclusão
e ainda não sabem da profilaxia.
 
Meu bem, releva a contento
as mensagens em remessa massiva
é que não sai de meu pensamento
a sua linda imagem, minha diva!
 
Ignora, meu bem
a inoportunidade da hora,
é que fui arrebatado abruptamente
por esta paixão, por ti, minha senhora!
Cid Rodrigues Rubelita
Enviado por Cid Rodrigues Rubelita em 28/06/2012
Código do texto: T3749079


Comentários

Sobre o autor
Cid Rodrigues Rubelita
Curitiba - Paraná - Brasil
151 textos (5054 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/05/21 15:37)
Cid Rodrigues Rubelita